Blog
Notícias, dicas e tutoriais.

Como funcionam as assembleias virtuais em condomínios

0

A assembleia virtual em condomínios ganhou grande força durante o ano de 2020.

Isso se deve ao fato de que muitos condomínios precisavam resolver pendências e apresentar relatórios.

E até mesmo rever previsões orçamentárias ou aprovar alguma medida de emergência.

Por isso, como não podemos realizar as assembleias presenciais, a assembleia virtual surgiu como solução para os problemas.

É necessário alterar a convenção do condomínio?

Falando de maneira geral: não.

Caso a convenção do condomínio não proíba a assembleia virtual, não é preciso.

Mas, em alguns casos, a convenção não permite esse tipo de assembleia.

Por isso, especificamente nesses casos, é preciso que uma alteração seja feita.

Para realizar essa alteração é preciso

A assembleia virtual em condomínios tem validade jurídica?

A Lei Nº 14.010/20, ou Lei da Pandemia, foi aprovada em 10 de Junho de 2020.

Essa foi a primeira vez que falamos (e aprovamos) o tema de assembleias virtuais em leis.

Porém desde o fim da validade dessa lei, em 30 de Outubro de 2020, ainda não tivemos um parecer do Estado a respeito das assembleias virtuais.

Mas devido ao cenário que ainda estamos vivendo, ainda não devemos realizar assembleias presenciais.

Por isso a recomendação é manter as assembleias, sempre que possível, no ambiente virtual.

Assim, podemos manter as medidas de combate a disseminação do COVID-19, junto com o bom funcionamento do condomínio.

E se alguns condôminos não conseguirem comparecer a assembleia virtual?

Nesse caso a melhor solução é realizar uma assembleia híbrida.

A assembleia híbrida é feita de modo online e presencial.

Algumas pessoas, que não puderam comparecer de forma online, ficam presentes na sala junto com o síndico.

Enquanto a outra parte dos presentes está conectado e participando virtualmente.

Assim conseguimos atender aqueles que preferem a assembleia virtual e os que preferem a assembleia convencional.

Já que é possível que alguns compareçam de forma presencial em uma sala com a capacidade de ocupação reduzida. Enquanto outros acompanham pela modalidade online.

Desse modo, mantemos o isolamento e respeitamos as medidas de prevenção ao COVID-19.

Vale lembrar que esse tipo de assembleia demanda mais esforço do síndico, já que precisa de uma estrutura maior e precisa ser conduzida com cuidado.

Mas, quando corretamente implementada, ela é de grande utilidade nos condomínios.

A assembleia virtual em condomínios tem boa aceitação?

Segundo pesquisas de empresas do ramo de softwares para condomínios as assembleias virtuais e híbridas tem entre 60% e 80% de participação.

Enquanto as assembleias normais tinham entre 15% e 40%.

Portanto, as assembleias digitais possuem maior aceitação do que as normais.

Além disso, possuem também uma alta taxa de aceitação. Enquanto as normais possuíam uma taxa muito baixa.

Gostou do texto? Em nosso blog temos mais artigos sobre esse tema. Confira!

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ciente, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais